Programa Anime Station – Curiosidades sobre Dragon Ball GT

Escrito por em 29 de novembro de 2017

1-A série Dragon Ball Z tem 4 vezes mais episódios que o Dragon Ball GT, que tem 64 episódios
2-Dragon Ball GT significa Dragon Ball Grand Tour, e tem este nome devido a, na primeira parte da série, grande parte do tempo é passado em viagem pelo espaço.
3-GT foi um fracasso de crítica. Diferente das duas séries anteriores, Dragon Ball GT recebeu críticas mistas e negativas. O site IGN chamou a série de “francamente desagradável”, mencionando que o material e os personagens tinham perdido a novidade e diversão. [17] Eles também criticaram o character design de Trunks e Vegeta como sendo “estúpido”. [17] O site de cultura otaku Anime News Network (ANN) também deu comentários negativos sobre Dragon Ball GT, mencionando que as lutas da série foram “um exercício infantil muito simples”, e que muitos outros animes foram superiores. [18] O enredo também foi criticado por fazer uso de temas já mostrados nas séries anteriores. [18] Entretanto, ANN também o chamou de “um passeio divertido quando não levado muito a sério”. [19]
4-Em mais de 500 episódios, Goku mostrou uma infinidade de técnicas; foi esperto algumas vezes e, em outras, criativo. Mas, sempre houve alguém que o ensinasse. No entanto, só uma técnica é propriamente dele: trata-se do Punho do Dragão, que mostrou somente no “Dragon Ball GT”.
5-Na saga de Boo, Gohan conseguiu se tornar o Místico Gohan, um estágio que ele poderia se tornar muito mais forte que um Super Saiyajin sem modificar o físico. É por isso que ele não se torna Super Saiyajin na luta contra Boo. MAS: Gohan se torna Super Saiyajin novamente em Dragon Ball GT.
6-Bigode do Vegeta criticado. Akira Toriyama queria surpreender a equipe da Toei com o designe do Vegeta… E parece que não deu muito certo, não. Pois os próprios fãs pediram a remoção desse bigode nem um pouco sútil do príncipe dos saiyajins. Vale lembrar que o Vegeta perdeu seu protagonismo para o seu filho no inicio de DBGT, mas, estranhamente, tomou o segundo lugar de protagonista do Trunks no decorrer da história, vá entender…
7- Trunks fraco. Talvez uma das únicas coisas boas para o Trunks em Dragon Ball GT tenha sido seu protagonismo durante o inicio da saga GT. Mas foi só isso! Quem esperava que ele fosse como o Mirai Trunks da saga Cell, teve uma frustração enorme. Pois o personagem tinha potencial, porém foi perdido e acabou por não se tornar um personagem poderoso como os demais… Preciso dizer que ele perdeu o protagonismo para o seu pai?
8- Personagens desvalorizados. Muitos fãs de dragon ball criaram expectativas enormes para alguns personagens que pareciam promissores. Entre eles podemos destacar o Uub, Goten e até mesmo Gohan e Vegeta. Uub era o cotado para ser o substituto de Son Goku, porém seu péssimo aproveitamento na saga foi ridículo! O personagem só teve importância, de fato, graças ao Majin Boo, com quem se fundiu. E depois, simplesmente, não teve o protagonismo ideal! O mesmo podemos dizer para Goten. Para quem esperava ele como um dos protagonistas ao lado de Trunks, teve a grande decepção de vê-lo como, praticamente, um figurante. Gohan que o diga!
9-Gill o Robô. Guill, Gill, Giru… As pronuncias são várias! Mas o que todos devem ter percebido, é que esse robô é um chato de verdade! Além de ficar repetindo o próprio nome várias vezes, ele já aparece fazendo coisas erradas. Podemos ressaltar que ele tomou à posse do radar do dragão e ainda fugiu em vários momentos! Sendo colocado como um dos piores personagens de Dragon ball em pesquisas japonesas, tivemos o desprazer de ver a tentativa de criar um novo mascote para dragon ball falhando.

Por: Pedro Zambarda  –  PROGRAMA ANIME STATION – Quartas-Feiras das 19h às 20h

“Pra quem gosta de Animes, desenhos e cultura japonesa!”

Apresentadores: Caio Catarino e Pedro Zambard
Descrição: Um programa sobre anime, desenhos e cultura japonesa, recheado com muita música e informação!

Para mais Animes e Mangá, acesse o youtube da Rádio Geek.


Opinião dos Leitores

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.Campos Obrigatórios estão marcados*


Current track
TITLE
ARTIST

Background